oncontextmenu='return false'>expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Novo Titanic para 2016: Bilionário australiano Clive Palmer divulga projetos preliminares

ATUALIZAÇÃO maio/2016 - As recentes atualizações na imprensa mundial dão conta de que a viagem inaugural do proposto "Titanic II" de Clive Palmer agora acontecerá em 2018, no entanto até a atual data, fevereiro de 2016, a construção do suposto navio não teve início, oficialmente não há obras. Desde maio de 2014 nenhuma atualização sobre o projeto foi feita no site oficial da empresa 'Blue Star Line', e não há esclarecimento sobre as insistentes repetições de anúncios relacionados a viagem de estreia, considerando que não há qualquer obra em andamento. *** Vale ressaltar que a construção do verdadeiro Titanic consumiu exatos três anos de obras, o que torna ainda mais inexplicáveis as alegações de que a proposta réplica consumirá menos de 2 anos de obras e ficará pronta em 2018.

Notícia atualizada AQUI 

Seja bem vindo ao Titanic em Foco

O bilionário australiano Clive Palmer anunciou em abril de 2012 um projeto insólito: construir um novo Titanic, incorporando no novo navio as atuais tecnologias e aparatos de salvamento que estejam em acordo com as atuais exigências das leis de segurança, mas mantendo tanto quanto possível o visual externo e interno do navio original, naufragado em 15 de abril de 1912 enquanto em percurso entre a Inglaterra e os Estados Unidos, onde morreram mais de 1.500 pessoas. O audacioso projeto de Clive Palmer foi recebido pela comunidade de admiradores e entusiastas com um misto de admiração, curiosidade, repúdio, animação, descrença e muitas dúvidas.

Há três meses o anúncio de Clive Palmer têm alimentado imensamente as discussões, os sonhos e a opinião pública ao redor do mundo, especialmente nas redes sociais, onde concentram-se boa parte dos admiradores e entusiastas "Titânicos", por assim dizer. Confira a matéria a seguir, que foi agora composta com base no 1º projeto divulgado pela empresa finlandesa "Deltamarin", responsável pela formulação, revisão e adaptação do pretendido navio, que deverá fazer sua 1ª viagem em 2016.

Vale ressaltar que desde 1997, época em que foi lançado o filme Titanic, que tornou-se grande sucesso de público e grande vencedor do Oscar, já houveram mais de 10 anúncios de construção de novos "Titanic's". Alguns destes anúncios receberam massiva cobertura da imprensa mundial, inclusive no Brasil. No entanto nenhum destes projetos saiu do papel, quer seja por que foram meros golpes de publicidade, por não obterem o financiamento necessário ou por se tratarem de tentativas de obtenção de dinheiro com a arrecadação voluntária de apoiadores.

Tudo o que houve de Clive Palmer desde abril de 2012, são anúncios "engessados" pelas agências de notícias ao redor do mundo. A construção ainda não começou, nem mesmo houve aprovação final das plantas da proposta para o "novo Titanic."

Acompanhe
O bilionário australiano Clive Palmer, que anunciou em abril passado sua pretensão de construir uma réplica operacional do Titanic, informou nesta terça-feira (17 de julho) que sua versão moderna do navio terá um novo "compartimento de segurança", além da primeira, segunda e terceira classes do original. Ao apresentar as plantas preliminares e projetos do novo Titanic, que será construído na China, o magnata da mineração afirmou que a embarcação terá os nove compartimentos originais e um adicional de segurança.

"Isso serve para garantir que o navio seja perfeitamente condizente com as normas atuais de segurança", explicou Palmer em uma declaração à AFP. "Também irá aumentar a área acessível aos passageiros", acrescentou. "O novo compartimento terá botes salva-vidas, calhas e tobogãs de evacuação, assim como novos cômodos comuns a todos os passageiros."

Palmer disse que as plataformas mais altas irão abranger os salões, escadas, cabines e outros cômodos semelhantes aos do Titanic original, que naufragou em 15 de abril de 1912, após colidir com um iceberg em seu trajeto para Nova York.

Contudo, os planos da Deltamarin, companhia finlandesa responsável pelo design e engenharia do navio, também incluem novas escadas de emergência e elevadores de serviço, além de um convés inferior remodelado para conter as acomodações da tripulação, lavanderia e a maquinaria.

O exótico bilionário anunciou que a primeira viagem do Titanic II está agendada para o fim de 2016, quando deve partir da China em direção à Inglaterra para depois seguir seu trajeto original até os Estados Unidos. O interesse foi "extraordinário", disse.

Palmer afirmou que o navio terá um cassino, mas haverá "restrições rígidas" sobre quem poderá jogar. "Haverá uma espécie de triagem para garantir que as pessoas que joguem tenham dinheiro para bancar as apostas", disse ele, segundo a Associated Press na Austrália.

O empresário, que tem uma fortuna estimada em Aus$3,85 bilhões (US$ 3,96 bilhões), de acordo com a revista australiana BRW, contou que a proa do Titanic II terá aproximadamente um metro a mais de comprimento do que o original, para dar mais "estabilidade".

"No entanto, mantivemos a essência do Titanic com a primeira, segunda e terceira classes. Eu acho isso muito importante", considera Palmer. "Assim, se você comprar uma passagem para a terceira classe, poderá dividir o banheiro, sentar em uma longa mesa para jantar para comer um ensopado irlandês e dançar todas as noites", brinca o empresário, que diz que ele próprio vai viajar de terceira classe.

Palmer não confirmou o valor do projeto, mas afirmou não estar buscando parceiros financeiros para reconstruir o navio, cujo naufrágio completou um século. "Se você procura parceiros, as coisas podem não se concretizar. Isso é apenas para eu dar um pequeno passeio ao redor do mundo", disse.

Houve certo ceticismo quando Palmer anunciou em abril seus ambiciosos planos de construir o Titanic II com as mesmas dimensões de seu antecessor. Embora ainda não tenham sido aprovadas, para Palmer, as plantas demonstram o compromisso de sua companhia, a Blue Star Line, com o projeto, e permitem que a chinesa CSC Jinling Shipyard inicie os trabalhos.

O navio terá 269 metros de comprimento (como nitidamente descrito no projeto) e uma tonelagem bruta estimada de 65.000 toneladas. O Titanic original, construído em Belfast, na Irlanda, afundou em sua primeira viagem, de Southampton para Nova York, matando mais de 1.500 pessoas, entre passageiros e tripulação.

Observação: O gráfico abaixo não faz parte da divulgação oficial e não incorpora todas as alterações propostas pelo projeto provisório recém divulgado. A imagem foi reeditada e reelaborada pelo Titanic em Foco tomando por base as claras informações contidas no projeto provisório.

Novas leis de segurança no mar em 2010

Devido à Convenção SOLAS de 2010 (sigla inglesa para “Convenção Internacional para a Salvaguarda da Vida no Mar”), a construção de um navio exatamente idêntico ao Titanic agora é completamente impossível de ser concretizada. Depois desta convenção, fixou-se que em virtude da prevenção de incêndios, a utilização de madeira em larga escala nos interiores de navios é atualmente ilegal. Isto gera um veto parcial para uma réplica exata do Titanic, que continha grande concentração do apainelamento de suas paredes feito unicamente com madeiras diversas.

A instalação de botes salva vidas no topo dos transatlânticos, assim como eram no Titanic original, também agora é proibida por lei. As normas atuais desta convenção exigem que os botes de salvamento sejam montados a não mais do que 15 metros acima da linha d'água.

Deste modo, uma réplica do Titanic que siga exatamente o padrão visual do verdadeiro navio em 1912, estaria hoje totalmente fora da lei caso não respeitasse, em primeiro lugar, a recente regra básica para disposição de botes. E é exatamente por este motivo que o projeto para a pretendida réplica do Titanic de Clive Palmer apresenta uma relocação evidente da posição dos botes salva-vidas, que efetivamente serão obrigados a estarem instalados na porção mediana do navio, muito mais próximos à linha d'água do que no navio original, naufragado em 1912.

Plano prévio provisório oficial para o novo Titanic, previsto para 2016

O projeto abaixo, divulgado na terça-feira, 17 de julho de 2012, demonstra claramente que haverá a incorporação de mais um pavimento ao novo navio, exatamente entre os conveses C e D. A ilustração retrata com clareza que neste andar adicional, chamado "Convés de Segurança", estarão instalados os modernos botes salva-vidas operacionais, que efetivamente serão utilizados como aparato de segurança em caso de emergência.

Os tradicionais botes salva vidas como no verdadeiro navio também estarão presentes, mas atuarão unicamente como réplicas estacionárias ou balsas de passeio turístico. As réplicas dos antigos botes, por lei não poderão ser utilizadas como equipamento de segurança. Conforme determina a decisão da "Convenção Internacional para a Salvaguarda da Vida no Mar", de 2010, os novos navios construídos desde então são obrigados a instalar seus barcos de salvamento a não mais do que 15 metros acima da linha d'água (no Titanic original eles foram instalados a 18 metros acima da água).

O "novo Titanic" proposto pelo magnata Sarel Gous em 2000

Em junho do ano de 2000 o magnata dos negócios sul africano, Sarel Gous, propôs a construção de um “Titanic II”. Gous na época anunciou que possuía os desenhos originais do famoso navio e agora queria realizar seu sonho. O milionário manteve conversações com o departamento técnico do estaleiro Harland & Wolff, em Belfast, Irlanda do Norte (o mesmo estaleiro que havia construído o navio original entre 1909 e 1912), e o estaleiro apresentou a proposta para o Conselho da Cidade de Belfast. O custo do projeto foi fixado, e o preço na época ficou em torno de 500 milhões de libras. Gous tinha considerado anteriormente a construção do navio na cidade de Durban, na África do Sul, mas encomendou um estudo de viabilidade para o projeto com a Harland & Wolff

Em Novembro de 2000 Sarel Gous assinou um acordo com uma empresa sediada em Mônaco para financiar a construção do novo navio, e afirmou que a construção começaria nos próximos nove meses. A empresa que iria operar a réplica do Titanic pretendia-se que fosse uma nova “White Star Line”, ou seja, o plano era de que a extinta empresa fosse reativada como operadora de transporte de passageiros. A original White Star Line já havia interrompido suas operações havia 66 anos no ano de 2000, (em 1934) quado foi fundida à Companhia Cunard Line.

O novo Titanic de Sarel Gous havia sido planejado para ser muito parecido com o primeiro, o projeto previa que ele teria os interiores remodelados como um moderno navio de cruzeiros e seria maior do que o Titanic original. No entanto, no início da proposta a intenção de Sarel Gous era a de construir uma cópia exata, mas com botes salva-vidas suficientes. Se o navio proposto por Gous tivesse sido construído, ele teria 290 metros de comprimento e 33 metros de largura.

Em 2006 o projeto da réplica planejada por Sarel Gous foi abandonado devido aos altos custos e a baixa adesão e apoio ao projeto. A última sobrevivente do Titanic, Millvina Dean (ao lado), falecida em 2009, enquanto viva registrou o seu repúdio à esta proposta de reconstrução.

Crédito

Com informações de Notícias Terra
Reedição de texto e imagens - Rodrigo, TITANIC EM FOCO

Nota: O Titanic em Foco não é simpático à proposta da construção do "novo Titanic". A notícia é agora divulgada unicamente sob caráter informativo.

50 comentários:

Felipe Schaefer disse...

Boa Noite Rodrigo. Realmente, por mais que eu me declare fã do Titanic, detestei a proposta de Palmer em relação a construção de uma replica do navio. Eu, como fã, esperava no minimo uma ideia que seguisse os padrões, vejo que adicionar mais um deck por "segurança" não passa de uma mera desculpa, para inserir mais cabines e ambientes, como uma CASSINO. Que historia é essa? Cassino? Quero um Titanic que tenha os mesmos ambientes que o original. Que seja extraordinário como o original foi! De fato, o que vejo no projeto de Palmer é mais um simples navio maquiado de Titanic. É só mais um parque temático flutuante.

Felipe Valente disse...

Olá Rodrigo, terça feira eu também postei em meu blog "Sociedade Histórica do Titanic" um artigo em relação as inovações, e acredito que estamos no mesmo time em relação a isso, pois também delcarei estar contra essa ideia tremendamente absurda, também porque não acredito que Palmer manterá a essência do navio original, e só está querendo chamar a atenção.

Rodrigo disse...

o verdadeiro Titanic num possuia 269 metros de comprimento? como se acrescentando 1 metro a mais ainda ficaria 269? detestei essa ideia de aumentar o comprimento dele e fazer muitas alterações notáveis nele. ele deveria pelo menor fazer 97% igual ao verdadeiro Titanic, esse negócio dos botes mesmo, tá muito escroto com aquele deck acrescentado, muito visível e estranho.

Rodrigo disse...

Pois é, a divulgação das previsões ainda é muito desencontrada, não há nada 100% confirmado... O jeito é aguardar para ver no que vai resultar esta proposta. Eu mesmo não simpatizo, motivos pessoais... Mas mesmo não simpatizando, curioso eu estou.

veremos...

Pri disse...

eu amo demais o Titanic, desde muito nova sou fã dele, e estou ansiosa, torcendo para que dessa vez a ideia saia do papel......vai servir pra tirar esse pesar que eu tenho de nao ter nascido na epoca do verdadeiro e unico Titanic, de te-lo visto, enfim, é como uma homenagem as pessoas que morreram, vou me sentir mais perto do meu lindo Titanic!!!!!!!!!!!!!!

juaoxd disse...

Sem duvida é um projeto muito interessante, mas ainda sim, não supera o original ^^

SR. Zé Ninguém disse...

Eu gostei muito do projeto de Sarel Gous. Para mim seria um hibrido entre o navio original e os navios atualmente. Com todos os equipamentos de segurança sofisticados seria um sucesso.Pena que não foi aceito

Rodrigo disse...

Quando editei a matéria eu não simpatizava com estas propostas, nenhuma delas. Mas agora enxergo diferente. Se por um lado esta reconstrução é "comércio puro", por outro lado isto constribuirá para manter a história viva de um modo diferente do que já foi feito até hoje nos livros, filmes e na arte geral. Se for construído com atenção e cuidado, o resultado pode ser bastante interessante. Veremos...

Anônimo disse...

Matthew J. F.
Olá a todos! Eu penso que esse "Novo Titanic" será uma maravilha pra manter viva a história do mais fantástico navio de todos os tempos. Tomare que este empresário consiga construir este navio. Alguém tem alguma novidade sobre o caso?
Bis Bald Freunde!

Rodrigo disse...

Oi Matthew

não, nada de grandes novidades. Apenas foi anunciado recentemente que dois grandes historiadores "embarcaram" no projeto, para auxiliar os designers no trabalho de recriar o visual do novo Titanic tão similar quanto possível ao original.

Clive Palmer também anunciou que irá exibir os detalhes do projeto no fim do ano, creio que ele se refira aos projetos semi-finalizados e possivelmente arte gráfica de como será a aparência do proposto "Titanic II".

De rsto sem grande novidades. enquanto a construção não começar efetivamente, o que há são apenas anúncios em cima de anúncios e notícias em cima de notícias. É esperar para ver. E eu só acredito vendo.

Anônimo disse...

eu tambem amoo de paixao o titanic e concordo,se for fazer,faça um identico o original,nao vejo o porque de aumentar mais ,e colocar um cassino!isso vai tirar a essecia TITANIC..bjus

Anônimo disse...

Eu não vejo motivos para e novo não ser tão bom quanto o primeiro, sendo que vai ser idêntico ao original, que não tem mais volta! e ainda por cima com toda a segurança de hj em dia...esse sim vai concluir a viagem que o outro não conseguiu

Rodrigo disse...

Tão bom ou melhor que o primeiro, isto é bem provável. As técnicas atuais de construção são muito melhores que as do início do século passado, e isso possibilita melhorias a perder de vista.

Mas idêntico ao original ele não será, inclusive o próprio Clive Palmer deixa claro que ele será tão parecido com o Titanic quanto possível. E considerando as inúmeras restrições relacionadas à segurança e a reformulação de espaços e adaptação de design (que serão alterações obrigatórias), já se pode prever que o "Novo Titanic" passará distante de ser uma réplica.

Se chegar a ser construído ele será uma navio moderno maquiado como Titanic.

Rose disse...

Eu quero ir daqui pra la da para adiquirir duas pasagens para a primeira classe classe. Eu meu noivo Carlton ele q vai comprar!

Alexandre de souza dos santos disse...


Olá Rodrigo...

Realmente vamos esperar para ver se vai ou não vai sair do papel a construção do novo navio Titanic 2,esperamos que a essencia do primeiro navio venha estar em 90% do resultado da construção do segundo navio,mesmo que algumas inovações venham ser acrescentadas para gosto de palmer isso nao faria efeito do resto do navio,que venha o Titanic 2!!!

Admirador do blogger

Rodrigo disse...

Oi Alexandre

Pois é, este é também meu desejo: de que o projeto, se realmente levado adiante, resulte em um trabalho tão próximo quanto possível, para manter parte da aura da história e visual do verdadeiro navio. Não há como substituir o original, mas se o trabalho for bem feito, creio que valerá a pena. No que depender dos consultores históricos que aderiram ao projeto, sei que há ótimas possibilidades.

Ainda que as leis atuais referentes a segurança interfiram, e muito, no produto final, acredito que é possível obter bons resultados, basta muito dinheiro e muita boa vontade, tempo e bom gosto. Neste caso é aguardar para ver o que está por vir...

Até mais, obrigado pela atenção ao blog.

Sérgio Gonçalves disse...

Ola pessoal do TITANIC em foco......gostaria de perguntar se há algum projeto para a contrução de um ''OLYMPIC II'',obrigado

Rodrigo disse...

Oi Sérgio. Se não me engano parece que há sim um plano "maluco" de se reconstruir o Olympic, mas não tenho links.

Mas, é claro, a idéia vêm de algum fanático que sequer sabe o que está propondo; geralmente isto parte de pessoas desocupadas.

O projeto do Titanic 2 está caminhando mal das pernas, e isto porque o Titanic é conhecido por 99% da população mundial e é "adorado" por uma parte desta porcentagem; o que dirá desta proposição para o Olympic, que foi um navio que 99% da população sequer sabe da existência.

Acompanho e valorizo apenas aquilo que é história, que é fato, ou é realmente útil.

sergio g. mendes disse...

Bom comentando sobre isso.......ouvi dizer q o ''TITANIC II''não tera um leme na verdade ele tera 3 hélices 1 será a propulção principal e as outras duas 2 e 3 seram para manobras do navio.
Provavelmente a ponte será maior,e não tera sala de caldeiras pois será movido a díesel então tera mais espaço para a tripulação e outros servíços,a proa tera bulbo reduzido e provávelmente tbm tera estabilizador orizontal para melhor eficiência como o do projeto de Sarel Gous.Obrigado

-Gerson- disse...

Ao meu ver, ninguém com sã consciência e o mínimo de boa vontade deveria aprovar um projeto bilionário completamente defasado do ponto de vista tecnológico e consequentemente menos seguro. Sou de total acordo com a reconstrução, mas assumo que não serei público para este navio.

Na minha opinião, este navio funcionará como uma espécie de DisneyLand flutuante, para as pessoas que amam o filme fantasiem um Titanic que chega ao destino.

Será como fazer um navio velho, novo, com uma viagem possívelmente entediante para os costumes atuais.

Rodrigo disse...

Gerson,na medida suas palavras. O projeto derrama pelas bordas o mal gosto, a distorção de propósito e a falta de bom senso. Minha curiosidade é apenas a de ver qual será o resultado "artístico" final, ou seja, qual será o visual interno e externo alcançado. Pois sou admirador de arte desde sempre.

É claro, não dá para esperar gandes coisas, isto se sequer a obra sair dos jantares e anúncios de imprensa. Idem, não sou público para este tipo de atração frívola.

-Gerson- disse...

Exatamente o que eu quis dizer, como sou admiro as máquinas que os homens conseguem fazer, sou de acordo da construção apenas para conferir o resultado final, porém reconheço que tal quantia de dinheiro poderia ser usada para algo, diríamos inovador.

joao marcos magela ries disse...

I've been before that ship hopefully not happen again disaster I almost died I still remember my son died very young in that ship

daniloogato007 disse...

Gente, Gente, Porque vcs não dão graças a Deus que finalmente teremos o minimo de chance de prestigiar, o nosso lindo Titanic, vi uma reportagem da globo que ele pretende ser o maximo fiel (interno e externo) ao Titanic de 1912, então vamos esperar, se algum dia nós teremos a chance de ver o original (inclusive movido a vampor) não sabemos, mas se esse realmente se concluir já está de bom tamanho, mesmo que não fique 100% original, mas já é alguma coisa! Prestigio a iniciativa e tem todo o meu apoio!!

PS: Rodrigo lembra de mim, Ex-Dono do Chat do Titanic no MSN: RMS Titanic - The Ship of Dreams?

Rodrigo disse...

Oi Danilo

Sim lembro de você, vejo que ainda gosta da história.

Hoje minha antipatia pelo proposto "Titanic II" diminuiu. A Globo não sabe da missa sequer 1 Pai Nosso. Clive Palmer não promete uma réplica perfeita; as alterações são muitas e são obrigatórias, previstas por lei.

Eu sou de pleno acordo que as alterações são necessárias, porque envolvem a garantia de segurança garantia de que ele realmente seja operacional. O que me causa certa repulsa é que este navio será uma reprodução "capenga" do que foi o verdadeiro navio; e é por isto que ainda não sou plenamente simpático, porque não gosto deste tipo de reprodução adaptada, porque boa parte do aspecto visual e histórico se perdem.

Afora os aspectos externos que não me agradam, os aspectos interiores é que me deixam curioso; quero saber que tipo de trabalho eles irão fazer, e se o resultado interno será pelo menos dentro do mínimo de bom gosto. E ainda assim, a lei atual não permite que grandes extensões de apainelamento de madeira seja instalado em navios...

Minha curiosidade é: Será que eles conseguirão manter o nível com materiais alternativos?

Bem, veremos. Se a obra realmente começar, o tempo se encarregará de mostrar.

daniloogato007 disse...

Rodrigo uma replica exata não poderia ser contruida apenas para exposição?

Rodrigo disse...

Oi Danilo

Acredito que uma réplica perfeita estacionária seria possível sim, contanto que fosse fixa e não navegasse. O fator proibitivo em se construir uma réplica do Titanic que navegue está justamente na total inadequação de um navio como foi o Titanic para os padrões de segurança atuais; se uma réplica perfeita fosse feita, ela estaria plenamente fora da lei.

No caso de uma réplica perfeita estacionária, certamente ela teria que passar por todo o crivo de segurança com relação à regras anti-incêndio e rotas de fuga; ou seja, ainda assim o navio estacionário não escaparia às normas atuais de segurança.

Só que aí entra um fator proibitivo: Que empresário em sã consciência no mundo iria gastar perto de 500 ou 600 milhões apenas para materializar um réplica do Titanic para deixá-la "apodrecendo" estacionada em um parque temático qualquer?

Para haver uma "réplica" que se movimente é preciso que esteja dentro da lei... E para que esteja dentro da lei é preciso que o navio seja todo readaptado.

E é justamente assim que será o navio de Palmer: uma reprodução moderna adaptada (e eu sinceramente espero que haja bom gosto). O termo "réplica" aqui tecnicamente não se encaixa. A palavra "réplica" só serve para fins publicitários, como chamariz.

O que Clive Palmer se propôs a fazer é uma "reprodução moderna adapatada" do Titanic.

Não tenho muita simpatia pelo visual pré-anunciado nas imagens em CG. Mas hoje já sou a favor da idéia; ainda que o resultado seja uma reprodução aproximada apenas.

AIR SUPPLY EVOLUTION STAR disse...

Olá, Rodrigo e pessoal! O novo projeto pode ser, por um lado, por fins lucrativos, mas por outro, uma oportunidade de nós, das novas gerações revivermos uma experiência única de viajar no Titanic e voltar no tempo. Eu aprovo, principalmente os ajustes de segurança, indispensá
vel para qualquer viagem. (Hoje não fazem automóveis com diversos ítens de segurança e conforto?)Agora, vai da responsabilidade de quem o conduzir, principalmente quando se trata de transportes públicos de grande porte.No mais... O navio ainda nem ficou pronto, mas já tô a bordo, só é uma pena não ter mais o lindinho oficial Lowe, fui!

Rodrigo disse...

Exatamente. O proposto "Titanic II" é, antes de mais nada, uma oportunidade de negócios, de lucro para Clive Palmer. E, como conseqüência, um fantástico meio de manter o interesse das futuras gerações pelo Titanic.

Minha antipatia hoje está apenas no aspecto visual externo do futuro navio; não gostei das adaptações, mas aceito todas elas, pois são necessárias em nome de segurança e funcionalidade.

O que me deixa curioso é o tipo de trabalho que será feito nos interiores; estou desejando que eles apliquem o melhor que puderem.

De mais a mais, ainda estou cético quanto à realização da obra. Ainda enxergo tudo isto apenas como publicidade. Como eu disse, sou da turma do "só acredito vendo". E acreditarei sim... Mas só quando a construção começar de fato a a obra tomar forma.

Até mais, sempre grato pela atenção ao blog.

Anônimo disse...

faz uma maquete dele para mim

Anônimo disse...

responde sim ou nao

Rodrigo disse...

Oi, desculpe, atualmente não estou fazendo trabalhos manuais.

Diego Guimarães Pereira disse...

Rodrigo boa noite ... Quero saber oque anda acontecendo e quais sao as novidades do projeto ... ?

Rodrigo disse...

Oi Diego, boa noite.

Nada de grandes novidades, apenas que a data de possível viagem de inauguração foi reposicionada para 2018, e não mais 2016 como antes previsto. O projeto aparentemente continua em fase de finalização e avaliações, mas nada começou efetivamente a ser construído.

Ainda teremos cerca de 1 ano de dúvida até que a construção efetivamente começe... Veremos o que o tempo dirá, não posso nem palpitar o que irá acontecer de fato.

Oficilamente o projeto segue.

Anônimo disse...

Jose. A

Expert do Titanic.

Novidades para Titanic em foco.

Certo. Agora dizem que o projeto não está totalmente perdido, é outra mentira para evitar emaranhamento em que eles estão presos. E especialmente não dão encarar ao público.

Eles deixam de lado suas cabeças na vergonha e tem que invetar mentiras, que tantos idiotas neste mundo de bobos são acreditadas, em fim...

Estão brincando com os sentimentos de os que verdadeiramente amamos o titanic e isso não é bom. Este não é um jogo não é um negócio tem que ter respeito pelo deus titanic e os mortos

Agora dizem que vai começar a construir em setembro deste ano de 2014, com a viagem inaugural em 2018.

Eu vou ser um profeta novamente:

“Eu digo e repito que este navio nunca será realidade, a os idiotas, tolos, os sonhadores, as ratazanas perversas que só querem o dinheiro para fazer o negócio, os bons, os ruim, para dizer-lhes a tudos perder a esperança”.

Agora tão sensível e espiritual que eu sou. Meus sentimentos e emoções.

Se este sonho que nasceu em 1998 teria vindo naqueles anos dourados aqueles anos incríveis que nunca vão voltar em 1998 ou 1999 ou 2000 ou até mesmo na primeira década do século XXI. Ele teria destruído um sucesso incrível, mas se nós já estamos quase ano de 2020 não haverá nenhum interesse real, nas coisas que acontecem no mundo, com possibilidade de Gerra mundial, colapso econômico. E longe do interesse gerado pelos filmes dos anos atrás para uma audiência global. O projeto não teria a mesma tração. E eu pessoalmente, muito triste que as pessoas que já morreu recentemente e que realmente amava o titanic não pode ver este novo navio.

Em um mundo dominado pela mentira eo mal. Digo-vos que não acredite nas mentiras.

Espero que agora melhor informado, eu não sei se eu consigo mas eu sempre tento ajudar.

Titanic per sempre.

Saudações a todos. Obrigado.
Jose Aurelio.
Da Europa.

Anônimo disse...

Rodrigo tem algum site seguro que entrega em casa o filme titanic?

Anônimo disse...

Rodrigo tem algum site seguro que entrega em casa o filme titanic?

Rodrigo disse...

Oi, desculpe, preciso ao menos saber seu nome...

Anônimo disse...

Maria Eduarda
Olá Rodrigo, eu gosto muito mesmo do Titanic, gosto muito do seu blog, para mim é o site que mais confio quando procuro algo sobre o Titanic, gostaria de saber se você tem outras notícias sobre a construção do Titanic 2, eu sou a favor da construção, e para mim será um sonho realizado embarcar nele. Obrigado pela atenção.

Rodrigo disse...

Oi Maria Eduarda, agradeço a sua atenção ao blog, é um prazer saber que você gosta do conteúdo divulgado aqui.

Após passar por um período de aparente quebra financeira e dificuldade de encontrar parceiros de financiamento, o milionário Clive Palmer anunciou recentemente que o projeto ainda está em andamento, sendo desenvolvido, e que a construção está prevista para começar no fim deste ano, com a viagem de inauguração para 2018. Antes o plano era de que a viagem fosse em 2016.

No demais tudo continua como antes... apenas a data de viagem inaugural é que foi adiada em 2 anos.

Eu não faço a mínima idéia se esta obra vai ser realmente feita. Mas seja como for, o prazo agora previsto de mais 4 anos para finalização, está mais dentro da realidade. O verdadeiro Titanic levou exatos 3 anos de trabalhos para ser materializado; não seria possível construir uma reprodução do Titanic em menos que isso, devido à uma necessidade gigantesca de pesquisa e desenvolvimento de cópias dos aparatos e decoração interna.

Veremos o que o tempo dirá. Eu não sou a favor, não gosto da idéia apresentada. Mas ao mesmo tempo não posso mentir que não estou curioso para saber qual será o desfecho de toda esta proposta.

Até mais, abraço, mais uma vez grato pelo apoio ao blog.

Stefani Nonato disse...

Olá Rodrigo, desde pequena sou fã do Titanic, e queria saber mais sobre essa história de um novo Titanic para 2016 ou 2018. Eu queria que o novo Titanic fosse construído no mesmo lugar que o original foi construído em Orlando e seguisse direto para Nova York, e não da China para Orlando e seguir o mesmo trajeto que original depois. Seria muito melhor, Eu queria muito embarcar na primeira viajem, mas com a idade que vou ter, não sei se vou ter tempo e dinheiro suficiente. Seria um sonho realizado viver igual aquela época. Queria sua opinião também, abraços. Stefani.

Rodrigo disse...

Oi Stefani, agradeço a atenção ao blog.

Bem, eu não gosto da maneira com que o projeto vem se desenvolvendo, e gosto menos ainda das alegações de péssimo gosto de Clive Palmer, que é o responsável pela idéia e financiamento da obra. Ele é um milionário egocêntrico e não é de se estranhar o mal gosto de suas alegações e tipos de planos para o possível navio, que ainda sequer saiu do papel.

O verdadeiro Titanic não foi construído em Orlando [EUA], mas sim do outro lado do Atlântico, na cidade de Belfast, Irlanda do Norte.

Se vai ser mesmo construído ou não... se vair partir da China ou da Inglaterra... No final das contas isto é o que menos importa se todo os planos seguirem extravasando mau gosto como tem sido até agora.

Eu apenas desejo que, se o projeto for mesmo adiante, todo o ideal e planejamento de utilização seja revisto, para que o possível futuro navio seja um tributo respeitoso ao verdadeiro Titanic: Belo em visual e com utilização adequada.

Em caso contrário, desejo profundamente que a obra jamais saia do papel. O Titanic verdadeiro foi um navio dos sonhos, mas seu desfecho histórico é efetivamente uma das tragédias mais mortais da história marítima. A palavra “respeito” tem que estar em utilização sempre.

Veremos o que o tempo dirá.

Até mais, seja sempre bem vinda.

Anônimo disse...

Jose. A Expert visual do Titanic.

Bem queridos amigos eo público, querido Titanic Em Foco. Vou informar melhor a vocês.

Você se lembra do meu último comentário? bem agora minha profecia está no caminho certo.

A mentira é dito que, em teoria, o navio estava indo para iniciar a construção em setembro do 2014 vai passar o mês de setembro e não será, depois, vem e vai dizer outras mentiras, que construiu no ano de 2100 e, em seguida, no fim do universo. caros amigos não acreditam nas mentiras desses palhaços de circo.

Bem o que posso dizer depois de estudar este navio, esta mau chamada réplica? bem... isso não é uma réplica do deus titanic. Vamos ver eu vou explicar... Eu tenho que deixar claro que se esse navio se materializa-se realidade seria um navio maravilhoso o melhor do que existiria no mundo de hoje e do futuro e esmagar os navios de merda atual seria a jóia valorizada do oceano per sempre.

Bem, porém, porém, repito não é uma réplica do deus titanic este navio titanic dois falando internamente e externamente especialmente seria 90% similar ao navio original é a minha opinião, mais uma vez sem entrar em detalhes.

Minha conclusão final, bem o que eu quero dizer? pois que este navio é semelhante ao deus Titanic mas não uma réplica, uma réplica é outra coisa, não este titanic dois.

Ou seja lembre-se desta frase que eu digo para sempre. “este titanic dois é muito semelhante ao verdadeiro, mas longe de ser igual, tem a sua própria alma”. - JOSE AURELIO EXPERT DO TITANIC.

Bem que são os navios de cruzeiro atuais que dominam o mundo, já que não há transatlânticos, só o RMS Queen Mary 2 em serviço. Bem eles são horríveis caixas flutuantes infernais em todos os aspectos, projetados para roubar as pessoas mais dinheiro, mais dinheiro, mais dinheiro. Eles são um microsmos o que é lixo chamado erroneamente humanidade. São navios cheios de prostitutas, imbecis, bêbados, loucos, um circo de palhaços de feira muito emético. Muito triste o que são e representam os navios atuais. A idade de ouro sobre o mar já passou e nunca mais voltará... muito triste, muito triste.

Porém calma, porém calma, isso não vai acontecer com o Titanic dois. Ele irá tornar-se um exemplo do que um navio deve ser trilhando o mar. Respeito, honra, grandeza, lembranças, amor, talento, arte, inteligência, etc. Ele será o maior homenagem eterno ao deus S.S. Titanic.

Como expliquei tudo vai ser feito com o máximo de respeito, com os passageiros forçados a vestir da época, todos em sua classe no seu contexto histórico, toda a vida a bordo imitando o navio original, homenagens em todo o mundo ao deus Titanic, vai ser uma espécie de museu flutuante, ou seja um sonho, ea melhor homenagem ao deus S.S. Titanic.

Bem até agora o projeto está parado, e infelizmente nunca ser realizado. Não acreditar nas mentiras.

Muitos cientistas se perguntam se existe vida inteligente no universo. A questão é, há vida inteligente aqui na terra?. Acorde humanidade, acorde.

“Sonhar na vida é necessário, mas sem perder o contato com a realidade porque corremos o risco de ser aniquilados”.

http://ethereal3dservices.com/wp-content/plugins/easy-media-gallery-pro/includes/class/timthumb.php?src=http://ethereal3dservices.com/wp-content/uploads/2013/09/Titanic-II-Entire-Textured.jpg&h=787&w=1400&zc=1&q=100

Saudações a todos. obrigado.
Jose Aurelio.
Da Europa.

Jose Aurelio disse...

Jose. A - Expert visual do Titanic - Expert dos navios.

Bem queridos amigos podemos dizer agora com toda a certeza que esse navio Titanic dois nunca vai existir.

Aqueles que amam verdadeiramente o Titanic, e não querem que esse Titanic dois fora feito, agora podem ficar tranquilos.

Ele nunca vai ser construído.

E eu os entendo e apoio em parte.

Agora eu acredito com toda a certeza que este personagem palmer, usou o nome do deus Titanic, a influência global do Titanic, para fazer propaganda a si mesmo.

E nos enganou como néscios para todos os que amamos o Titanic.

É como as mentiras desses demônios que governam o mundo, os políticos, eo povo do idiotas acredita nelas, e prossegue.

Como uma mulher apaixonada por um homem mau, é tão cega que não pode ver a realidade da situação.

“O melhor para não ser decepcionado, é não fazer-se ilusões con as coisas”.

Saudações a todos. Obrigado.
Jose Aurelio.
Da Europa.

Victor Rossini disse...

Pó cara por mais que tentem so existiu e so vai existir um titanic,a tecnologia avança e os recursos tambem 2016 nao é a mesma coisa que 1912.

Anônimo disse...

Oi Rodrigo, boa noite. Seu site é o melhor sobre o Titanic.Meu nome é Leandro Dutra e eu queria que construíssem um Titanic II. Esse projeto seria bompara que as pessoas possam conhecer pessoalmente o grande Titanic. Clive Palmer recentemente disse que o projeto supostamente iria ficar pronto em 2018.
Eu queria perguntar se os 4 dias de viagem do Titanic foram ensolarados ou se houve chuvas?

Rodrigo, Titanic em Foco disse...

Oi Boa noite Leandro, obrigado.

Eu já não sei o que pensar sobre o Titanic II... Tudo o que eu sei é que o projeto está cancelado neste momento. Se vai ser reativado em algum momento, ou não... só Deus sabe o que se passa na cabeça de Palmer.

Até onde eu consigo lembrar, a noite de 14 de abril além de fria foi de chuvisco fraco, garoa. Não estou com minhas fontes aqui, mas lembro bem desta descrição em algum dos textos que li.

Caso eu reencontre esta fonte, eu cito a descrição aqui. Até mais, boa semana.

Hernandes Conçeiçao disse...

na minha opiniao eu fazia ele com andares 5 andares na parte preta do navio,4 andares na parte branca do navio e 1 andar no ultimo andar ia fazer ugualzinho acresentando 2 andares ia ter mais botes salva-vidas esse plano de sarel gous e muito feio o formato e o modelo da replica tudo que tem nele ia fazer fazer mais um no
titanic

Osvaldo Salvatori disse...

Um dos motivos e talvez o mais relevante pelo qual o Titanic mal conseguiu desviar do Iceberg foi que o leme era muito pequeno em relação ao tamanho do navio. Espero que nesse novo navio seja reconsiderado o tamanho do leme para que ele possa ter uma manobrabilidade melhor.

Anônimo disse...

Oi Osvaldo,

olha, esta questão do leme é algo bem difícil de ser real. Eu não posso derrubar este mito porque não tenho fontes agora, mas se a gente pra analisar, basta lembrar que o Olympic tinha o mesmo tamanho de leme que o Titanic e este jamais foi trocado, ele continuou com mesmo leme nos impressionantes 24 anos de carreira sem que houvesse um acidente que fizesse os proprietários mudarem de ideia. E ainda se tornou o único transatlântico civil a vir afundar um submarino inimigo durante a guerra, isso a poder apenas de sua manobrabilidade e perícia da tripulação.

O Britannic, que foi construído através das observações e melhorias feitas em cima do Olympic e do Titanic, repetiu a fórmula do leme sem nenhuma alteração.

Então dá para entender que o leme não foi algo crucial, pois se tivesse sido, as muitas reformulações colocadas em prática logo depois do naufrágio do Titanic possivelmente teriam passado pela questão do tamanho dos lemes também.

Isso sem adicionar o fato que no dia 02 de abril de 1912, quando o Titanic foi colocado em testes de velocidade e manobrabilidade, toda esta questão de curvas e paradas foi posta em prática... e ele estava adequado, recebeu a certificação necessária...

Bom, passei apenas para deixar minha observação, não é uma resposta, mas pode fazer pensar que muito do que se alardeia sobre o Titanic é produto de conto que pula de boa em boca através dos anos.

Até mais, agradeço seu comentário.